Cidade dos Simpsons vai ser recriada em parque temático de Orlando

simpsons2

Springfield real vai ter cerveja Duff, hambúrguer Krusty e rosquinhas. Universal Orlando ainda não definiu data de abertura.

Os fãs dos Simpsons poderão finalmente andar pelas ruas de Springfield, ir ao Bar do Moe tomar uma cerveja Duff, comer um Krusty Burger e passar no supermercado Kwik-E-Mart para comprar alguma coisa.

No verão americano, a primeira réplica da cidade fictícia abrirá suas portas nos parques temáticos da Flórida, anunciou a Universal Orlando, sem definir ainda a data de inauguração.

Os produtores garantem que este será “o único lugar do mundo” em que o público da série que é transmitida há mais tempo na televisão americana poderá passear pelas ruas da “verdadeira” Springfield.

“Pela primeira vez na história, vão poder entrar em um mundo que só viram na televisão”, disse o presidente da Universal Creative, Mark Woodbury, no site do complexo de parques temáticos de Orlando (Flórida).

Desde maio de 2008, já existe em Orlando e em Hollywood uma atração dedicada aos famosos personagens de Matt Groening, a chamada “The Simpsons Ride”, mas nos próximos meses serão incluídas na Flórida atrações, restaurantes, lojas e personagens desta conhecida cidade, de pouco mais de 30 mil habitantes.

“E, sim, também haverá cerveja Duff, assim como os famosos Krusty Burgers”, promete o diretor do projeto, no qual também não faltarão o restaurante de frutos do mar do capitão Horatio McCallister, a pizzaria do Luigi e até o Lard Lad para comprar rosquinhas pela manhã.

O presidente da Fox Consumer Products, Jeffrey Godsick, explica que a ideia é “transformar em realidade lugares icônicos de Springfield com os quais os fãs dos Simpsons cresceram”.

A série animada foi considerada o melhor programa de televisão do século XX pela revista “Time”.

Na cidade, também haverá a estátua de Jebediah Springfield, o pirata convertido em explorador que fundou a cidade, e outros detalhes imprescindíveis do fenômeno cultural que entrou para a vida de milhões de pessoas no início dos anos 1990 e continua na de muitos deles, que o acompanham semana após semana em sua temporada de número 25.

Dentro da tradição dos criadores de mesclar realidade e ficção, os próprios Homer, Marge, Bart, Lisa e Maggie, cujas aventuras já ganharam 27 prêmios Emmy, visitaram na ficção o ‘KrustyLand”, o parque temático de Krusty, o Palhaço, e montaram na montanha-russa “The Simpsons Ride”.

Os criadores da série mais popular da emissora “Fox” sempre evitaram dar pistas sobre o estado americano em que se localiza a cidade e até transformaram o tema em uma “gag” recorrente da série.

No entanto, os fãs pressionaram durante anos para tentar associar algum lugar real a Springfield, um dos topônimos mais comuns nos Estados Unidos.

Até concursos já foram organizados entre as Springfield da vida real para determinar qual se parecia mais com a do desenho, mas o certo é que hoje não existe no país nenhuma que se pareça muito com o cenário da série.

Isso explica porque, após mais de duas décadas de especulações, a confissão de Groenning há apenas um ano de que se inspirou na Springfield do Oregon foi uma grande revelação para a legião de fãs da série.

No entanto, logo vieram as análises e as comparações, que deixaram claro que essa cidade pouco tem a ver com a que os fãs da série consideram a “verdadeira” cidade.

Da EFE

Foto: Divulgação

Guia de Orlando, a mais nova ferramenta de ajuda ao turistas brasileiros que visitam Orlando, Fl

You must be logged in to post a comment Login