Dicas de etiquetas nos Outlets

Qual é a mulher que não ama uma promoção hein? Daquelas que têm uma placa enorme na vitrine e super atrativa dizendo: SALE (promoção, em inglês) ou, melhor ainda, se a placa for: CLEARENCE (muito comum aqui nos Usa, quer dizer promoção da promoção, em outras palavras = quase de graça!)

Agora o que dizer dos famosos Outlets que têm em Orlando??? Os mega shoppings centers compostos por marcas famosas a preços bem mais acessíveis. As opções de lojas são enormes, a variedade de roupas nem se fala, o único incômodo é justamente esse:  falta de tempo para explorar tanta coisa boa junta. Não conseguimos ver tudo em um dia só e corremos o máximo que podemos para dar conta do recado e ainda das famosas encomendas dos amigos e parentes.

Mas, não é porque estamos nesse verdadeiro paraíso das compras que podemos perder nosso estilo, educação e bom senso, não é mesmo? Estilo também é sinônimo de educação e, por isso, aqui segue uma listinhas dos erros mais graves que nós brasileiros cometemos nos outlets

Veja, agora, se você já cometeu alguns desses deslizes:

  1. Palavras mágicas que não devem ser esquecidas jamais, dentro ou fora da sua casa: Por favor (PLEASE), obrigado (THANK YOU), com licensa (EXCUSE ME), desculpe (SORRY);
  2. Não derrubar toda a pilha de roupas, só porque você está com preguiça de levantá-la para pegar o seu número que está lá embaixo;
  3. Essa acontece muito e é horrível: não deixar roupas no chão dos provadores. Se possível, coloque-as de volta nos cabides, um gesto de gentileza não faz mal a ninguém;
  4. Não jogar o dinheiro ou o cartão de crédito na mesa do caixa na hora de pagar a conta, com aquele ar de “passa aí o cartão”. Entregue tudo na mão do funcionário que está lhe atendendo, isso siginifica respeito pelo outro;
  5. Não gritar pela amiga no meio da loja para mostrar a linda roupa que achou. Igualmente, não permitir que seus filhos corram, mecham nas coisas ou deêm algum tipo de escândalo, tentem controlá-los ou saiam da loja por um instante;
  6. Não ficar batendo na porta da loja, implorando para que alguém abra e entre quando a loja já estiver fechada, eles não vão abrir mesmo;
  7. Tentar terminar todas as compras antes da loja fechar e, quando isso não acontecer, não demorar mais que o suficiente, pois todos merecem ir para casa e descansar;
  8. Não furar a fila do caixa, ou ficar lá guardando o lugar para um excursão de 20 pessoas que estão com você;
  9. E, por fim, se você vai para a fila pagar, presume-se que já sabe o que quer levar certo? Pois, nada de ficar indo e voltando, para pegar mais coisas ou perguntando a todo mundo na loja se deve ou não levar certa roupa. Decida-se e ponto final.

Precisamos ter estilo até na hora de comprar e essa é uma ótima hora para demonstrá-lo com todo vigor.

Fotos: Reprodução

Sobre o autor

Valéria Didier é brasileira, morando nos USA há 5 anos. Formada em Direito no Brasil, encontrou a sua verdadeira vocação no mundo da moda. Especialista em Jornalismo de Moda pela EnModa/SP e Imagem Pessoal e Profissional pelo Senac/SP, atualmente, se prepara na Fashion Institute of Technology/NY para se tornar Consultora de Imagem e Personal Stylist.